Tradutor - Translator

English FrenchGermanSpainItalianDutchRussianPortugueseJapaneseKoreanArabicChinese Simplified

quinta-feira, 18 de fevereiro de 2010

A Perversão das Pulseiras Coloridas

Estamos vivendo dias de Sodoma e Gomorra, onde a imoralidade tem pervertido a sociedade, e como não bastasse, querem corromper as crianças, os jovens e os adolescentes ao ato precoce da prática sexual e da prostituição. Na ótica dos inocentes, é apenas um enfeite, na visão dos pervertidos, uma forma de prazer e orgia. Originária da Inglaterra, a pulseira do sexo, a nova moda que chegou ao mundo e ganhou contornos promíscuos que estão corrompendo ainda mais a integridade moral das pessoas, já está em nosso meio. A primeira vista, uma colorida pulseira de plástico nos pulsos das crianças parece inocente.
Poderia confundir-se com mais uma daquelas modas que pega nas escolas, mas na realidade elas são um código para as suas experiências sexuais, onde cada cor significa um grau de intimidade, desde um abraço até ao sexo propriamente dito. Mesmo que muitos digam que essa pulseira só sirva de enfeite, usá-las já é o suficiente para rotular as pessoas às simbologias que cada pulseira significa. Foi o jornal Inglês The Sun que trouxe o assunto para a discussão ao publicar um artigo em que afirmava que nas escolas inglesas, os adolescentes usam pulseiras coloridas para trocar entre si mensagens de teor sexual. Segundo o jornal inglês, os adolescentes teriam então inventado vários jogos com as respectivas pulseiras, cujo objetivo é sempre o mesmo: ao rebentar uma pulseira duma determinada cor, o rapaz terá direito a reclamar o comportamento sexual da menina, que pode ir desde um abraço ou beijo até a uma relação sexual. Note-se que não se trata de nenhum tipo de violência, mas de um jogo que é aceito por ambas as partes. Este aspecto é muito importante e confundiu por completo os adultos, pois que para além do jogo em si, muitas adolescentes usam as ditas pulseiras apenas como objetos decorativos. Quanto a nós, cristãos, devemos ficar em estado de alerta diante das investidas de satanás. Oremos para que essa moda da pulseira desapareça o mais rápido possível e que nenhuma adolescente ou jovem se deixe levar pela influência de suas “amizades” a ponto de usar esse adereço.

“Mas a prostituição e toda impureza ou avareza nem ainda se nomeiem entre vós, como convém a santos; nem torpezas, nem parvoíces, nem chocarrices, que não convêm; mas, antes, ações de graças. Porque bem sabeis isto: que nenhum fornicador, ou impuro, ou avarento, o qual é idólatra, tem herança no Reino de Cristo e de Deus. Ninguém vos engane com palavras vãs; porque por essas coisas vem a ira de Deus sobre os filhos da desobediência. Portanto, não sejais seus companheiros”.
Efésios 5.3-7

Nenhum comentário:

Postar um comentário