Tradutor - Translator

English FrenchGermanSpainItalianDutchRussianPortugueseJapaneseKoreanArabicChinese Simplified

sábado, 27 de fevereiro de 2010

O Arrebatamento nas Nuvens


“Porque o mesmo Senhor descerá do céu com alarido, e com voz de arcanjo, e com a trombeta de Deus; e os que morreram em Cristo ressuscitarão primeiro; depois, nós, os que ficarmos vivos, seremos arrebatados juntamente com eles nas nuvens, a encontrar o Senhor nos ares, e assim estaremos sempre com o Senhor. Portanto, consolai-vos uns aos outros com estas palavras”.
1 Tessalonicenses 4.16-17 (RC)

A palavra arrebatamento deriva do latim “raptus”, que significa “arrebatado rapidamente e com força”. Quando a Bíblia fala do arrebatamento, está falando da ocasião em que a Igreja do Senhor Jesus será retirada da Terra, para se encontrar com Ele nos ares, pois o arrebatamento abrange apenas os salvos em Cristo. Ao mesmo tempo em que ocorre a ressurreição dos mortos, os crentes vivos serão transformados; seus corpos se revestirão de imortalidade, isso acontecerá num instante, num abrir e fechar de olhos (1 Co 15.51-54). Quem está na igreja, mas não abandona o pecado e o mal, sendo assim infiel a Cristo, será deixado no arrebatamento (Mt 25.1-13; Lc 12.45; 17.33-37), os tais que ficarem neste mundo farão parte da igreja apóstata, sujeitos à ira de Deus. Os cristãos devem estar prontos e esperar constantemente por esse evento iminente. Nesta sua vinda invisível ao mundo, Jesus virá de modo inesperado, arrebatar os que viverem fiéis na terra. E bom salientar que só os salvos em Cristo, que guardam a sua palavra serão arrebatados “Como guardaste a palavra da minha paciência, também eu te guardarei da hora da tentação que há de vir sobre todo o mundo, para tentar os que habitam na terra” Apocalipse 3.10 (RC).
Depois do arrebatamento, virá o dia do Senhor, um tempo de sofrimento e ira sobre os que ficaram para trás (1 Ts 5.2-11). Porquanto, acontecerá depois a segunda vinda de Jesus Cristo, onde todo olho o verá (At 1.10-11; Ap 1.7; Mt 24.30; Mc 13.26; Lc 21.27). Devemos observar várias contraposições entre o arrebatamento da igreja e a segunda vinda de Cristo. Elas mostrarão que os dois acontecimentos não são vistos como sinônimos nas Escrituras. A existência de dois planos separados é mais bem percebida pelas muitas contraposições encontradas nas Escrituras entre os dois acontecimentos, segundo W. E. Blackstone.
1) O Arrebatamento compreende a retirada dos crentes, enquanto o segundo advento requer o aparecimento e a manifestação do Filho.
2) No arrebatamento os santos são levados nos ares, enquanto na segunda vinda Cristo volta à terra.
3) No arrebatamento Cristo vem buscar Sua noiva, enquanto na segunda vinda Ele retorna com a noiva.
4) O arrebatamento resulta na retirada da igreja e na instauração da tribulação, enquanto a segunda vinda resulta no estabelecimento do reino milenar.
5) O arrebatamento é iminente, enquanto a segunda vinda é precedida por uma multidão de sinais.
6) O Arrebatamento traz uma mensagem de conforto, enquanto a segunda vinda é acompanhada por uma mensagem de julgamento.
7) O Arrebatamento está relacionada ao plano para a igreja, enquanto a segunda vinda está relacionada ao plano para Israel e para o mundo.
8) No arrebatamento os crentes são julgados, enquanto na segunda vinda os gentios e Israel são julgados.
9) O arrebatamento deixa a criação intacta, enquanto a segunda vinda implica uma mudança na criação.
10) No arrebatamento os gentios não são afetados, enquanto na segunda vinda são julgados.
11) No arrebatamento as alianças de Israel não são cumpridas, enquanto na segunda vinda todas as alianças são cumpridas.
12) O arrebatamento não tem relação particular com o plano de Deus para o mal, enquanto na segunda vinda o mal é julgado.
13) É dito que o arrebatamento ocorrerá antes do dia da ira, enquanto a segunda vinda se segue a ele.
14) O arrebatamento é apenas para os crentes, enquanto a segunda vinda tem efeito sobre todos os homens.
15) A expectativa da igreja em relação ao arrebatamento é "perto está o Senhor" (Fp 4.5), enquanto a expectativa de Israel em relação à segunda vinda é "o reino está próximo" (Mt 24.14).
16) A expectativa da igreja no arrebatamento é ser levada à presença do Senhor, enquanto a expectativa de Israel na segunda vinda é ser levado ao reino.
Essas e outras contraposições que poderiam ser apresentadas apóiam a alegação de que se trata de dois planos diferentes que não podem ser unificados num só.

“Lembra-te, pois, do que tens recebido e ouvido, guarda-o e arrepende-te. Porquanto, se não vigiares, virei como ladrão, e não conhecerás de modo algum em que hora virei contra ti”.
Apocalipse 3.3

2 comentários:

  1. Arrebatamento: Grande expectativa!!!
    Precisamos estar em plena comunhão com Aquele que virá resgatar a Noiva; Jesus Cristo Senhor e Salvador Nosso!
    Convido a visita ao meu blog.
    http://frutodoespirito9.blogspot.com/

    Sigo um blog muito bom! Vale a pena acessar.
    http://discipulodecristo7.blogspot.com/

    ***Shalom***

    ResponderExcluir
  2. hola bendiciones desde El Salvador Centroamerica, les visito desde mi blog www.creeenjesusyserassalvo.blogspot.com
    MI TESTIMONIO DE SANIDAD PARA LA GLORIA DE DIOS.

    ResponderExcluir